13 de Nov de 2019
 
Publicidade:
Tá Na Rua
 
Santaluz
 
real calçados
 
Iedo
 
 
29/10/2019
 

Goleiro Bruno tem contrato rescindido após 45 minutos em campo

O goleiro Bruno Fernandes de Souza está sem time novamente. Condenado a 20 anos e 9 meses de prisão pelo assassinato e ocultação de cadáver da modelo Eliza Samúdio, o jogador teve o contrato rescindido com o time Poços de Caldas.

Segundo a equipe da terceira divisão do campeonato mineiro, havia um acordo entre as partes para que o contrato de Bruno fosse rescindido após ele jogar 45 minutos, em dois meses de vínculo, e sair com salários atrasados.

Em entrevista ao site Superesportes, o presidente do clube, Paulo César Silva, confirmou a decisão e informou que o valor pedido por Bruno não era compatível com a realidade financeira do time.

O presidente do clube do Sul de Minas, Paulo César Silva, confirmou a decisão e disse que o salário do jogador era incompatível com a realidade do Poços de Caldas. Ele ainda lamentou o fato de o goleiro não ter conseguido jogar mais vezes pela equipe.

“Em dois meses de contrato, ele jogou 45 minutos. Para o clube bancar um contrato de um jogador para ele não jogar, fica difícil. O atleta não estava contente também por ser um clube menor, então a gente decidiu rescindir. O clube atrasou o salário dele e ele não estava contente”, explicou.

Antes de defender o Poços de Caldas por 45 minutos, Bruno havia jogado pelo time Boa, da segunda divisão do Campeonato Mineiro, e disputou cinco partidas, nas quais acumulou duas vitórias, dois empates e uma derrota.

 

*Bahia.Ba

 
 
 
Publicidade
A&B Consultoria
 
Tom
 
Léo Confecções
 
Prefeitura de Valente
 
 
 
 
 
© Informe Bahia 2013 - Todos os direitos reservados