27 de Maio de 2018
 
Publicidade:
Pafac
 
Santaluz
 
 
09/02/2018
 

Jutahy fala sobre permanência de Imbassahy no PSDB: ‘Cabe a ele decidir’

Presente no Campo Grande, na tarde desta sexta-feira (9), o deputado Jutahy Magalhães (PSDB), que já declarou que quer ser candidato ao Senado, neste ano, na chapa do prefeito ACM Neto (DEM), comentou a situação do também deputado Antonio Imbassahy (PSDB).

Ao bahia.ba, Jutahy avaliou que cabe somente a Imbassahy a decisão de permanecer ou deixar o partido.

“Eu desejo com toda a sinceridade que o deputado continue no PSDB, mas essa é uma decisão que cabe a ele tomar. Teremos uma janela partidária em março. Cada um fará uma avaliação pessoal. Nós desejamos a manutenção do Imbassahy dentro do PSDB”, disse.

Jutahy ainda pontuou que não acredita que exista um isolamento de Imbassahy dentro do PSDB baiano, mas sinalizou que causou desconforto quando votou a favor da continuidade da denúncia da Procuradoria Geral da República (PGR) contra o presidente Michel Temer (PMDB) no momento em que o correligionário era ministro do governo.

“Não. Tivemos um momento muito difícil dentro do partido que foi durante a votação em relação ao presidente Michel Temer. Eu e João Gualberto votamos pela continuidade do processo e o Imbassahy naquele momento era ministro, então houve uma divisão nítida. Quando no momento você não tem solução, você joga para o futuro. Eu sempre achei que quando o PSDB construísse uma candidatura própria, o partido iria se unir”, falou.

Sobre a reforma da previdência, o tucano disse que só irá declarar o voto no dia da votação, mas que a “decisão já está tomada”.

” Não vou antecipar sem saber se haverá votação. Preciso também do texto completo, já que cada dia muda o texto. Hoje [o Governo] não tem voto pra aprovar”, completou.

´*Bahia.ba

 
 
 
Publicidade
Prefeitura de Valente
 
Léo Confecções
 
A&B Consultoria
 
 
 
 
 
© Informe Bahia 2013 - Todos os direitos reservados